Quarta-feira, 23 de Março de 2016
Lançamento do Livro CONEXAO dia 28 de Março

imagem 1.gif

 

No dia 28 de Março de 2016 eu entro no 15º ano de Conexão. Nessa data vi Jesus pela primeira vez.

 

Foram 14 anos e 2 ciclos de Saturno – o planeta do Karma. Cada ciclo de Saturno significa o grande degrau de aprendizagem evolutiva.

 

A minha vida foi posta de cabeça para baixo, a minha energia foi depurada, a minha Alma foi redescoberta e as minhas emoções aprenderam o caminho do êxtase.

 

Por isso este 15º ano, para mim, vai ser de comemoração. E é no âmbito dessa comemoração que no dia 28 de Março eu vou lançar o Livro:

 

imagem 2.png

 

 

E como o conhecimento não cabe num único livro, vou lançar também este:

 

Blog – Conexão

www.conexao.pt

 

Este Blog vai ser, a partir de agora, a continuação do livro “Conexão”, isto é, eu vou continuar a escrever as lições e vou continuar a postá-las aqui. Por isso, independentemente do livro, siga este Blog para ler as novidades.

 

A partir daqui poderemos finalmente estar em contacto direto.

 

Até já, 

 

 

 

 



publicado por Projecto Alexandra Solnado às 10:49
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 16 de Outubro de 2015
Série Doenças e Sintomas Espirituais

 

Header Sintomas.jpg

 

 

Esta semana estávamos a falar aqui no Projeto acerca dos Problemas Espirituais que surgem no dia a dia e que nós não damos conta. De como são comuns e de como as pessoas às vezes não entendem as suas causas.

 

E o que pensámos? Enviar emails explicativos - três por sintoma, um por dia - acerca de Doenças e Sintomas Espirituais. E vamos começar por estes dois, que são muito expressivos:

 

Depressão e Perda

 

O primeiro email de cada Sintoma vai explicar o significado espiritual do mesmo,

e o Tratamento Espiritual que tem tido grandes resultados aqui no Projeto.

 

O segundo email vai ensinar um TPC (trabalho de casa) para ajudar a amenizar

o desconforto causado pelo Sintoma e o terceiro email vai trazer mensagens de Jesus acerca do tema. 

 

Depois, se você achar que estes emails explicativos são mesmo interessantes, poderá preencher um pequeno formulário com os sintomas cuja explicação - a causa e o tratamento espiritual - mais lhe interessa.

 

Com essa informação, faremos uma série de emails com os Sintomas Espirituais mais votados.

 

Eu, deste lado, torço por si, 

 

 

Até sempre, 

Alexandra Solnado
 
Sim, quero receber a Série - Doenças e Sintomas Espirituais:
 
 


publicado por Projecto Alexandra Solnado às 14:03
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 8 de Abril de 2011
Terapia

 

Já fez um ano que o J.A. perdeu a sua companheira de toda a vida.
Veio à primeira consulta um mês depois da sua mulher ter morrido subitamente.
Com cerca de 70 anos, o cabelo branco contrastava com o preto integral que vestia.
Ainda em choque, sentia-se perdido. Não compreendia o que tinha acontecido. Não sabia o que fazer à sua dor.
Nunca tinha vivido sozinho. Os filhos já viviam cada um em sua casa. Não sabia cuidar de si nem da sua casa.
Na terapia começou por aprender a fazer o luto. A respeitar a sua dor e a expressa-la. A visitar emoções que estavam bloqueadas.
Foi educado numa geração em que os homens não choram. Que têm que ser fortes e duros. Com o choque emocional provocado pela morte da mulher percebeu que a sua sensibilidade tinha sido menosprezada ao longo da vida em nome da força e da luta.
Aos poucos foi libertando essas dores guardadas.
E foi mudando.
Começou a cuidar de si e da sua casa, a aprender tarefas que nunca na vida tinha realizado.
Começou a sair mais. A ocupar-se com coisas que gosta de fazer. A dar mais atenção aos netos e a conviver mais com eles. A dar também mais atenção a sinais na sua vida. A sincronicidades.
A vestir-se de outra maneira.
Tem chegado às últimas consultas com um grande sorriso na cara.
Reparei na roupa: camisa ao xadrez com tons laranja. Presa ao cinto a bolsa do telemóvel, também laranja...Calças desportivas, com bolsos nas pernas...
Divertido, conta o interesse que vizinhas têm demonstrado... ainda não está para aí virado...mas já se ri...e não põe essa hipótese de lado...
A sua maior preocupação desde o início era saber o que tinha acontecido à mulher...se a tinha perdido para sempre ou se a alma dela ainda vivia...
Agora já acredita que a alma dela vive, em outro plano, e que podem comunicar...já não duvida que esta separação é apenas física e que a sua partida teve um propósito superior que servia às almas de ambos...
Está a descobrir que com esta perda brutal recebeu uma nova oportunidade de viver... uma nova oportunidade de se conhecer a si próprio…de conhecer as suas fraquezas e as suas forças...tão diferentes daquilo em que sempre tinha acreditado...
Sobretudo está a aprender que a boa disposição e a paz são possíveis depois de uma grande adversidade...
O seu sorriso diz tudo...

 

Olinda Molar

Terapeuta do projecto Alexandra Solnado

 



publicado por Projecto Alexandra Solnado às 11:30
link do post | comentar | ver comentários (2) | adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 25 de Novembro de 2010
Arquétipo de Karma - Perda

 

O arquétipo de perda ou karma de perda surge quando uma pessoa tem medo de perder. O que é que ela faz? Agarra-se, agarra-se a tudo. Às pessoas, aos bens materiais, às coisas que o dinheiro pode comprar, etc.

 

Quanto mais se agarra, mais vai dando peso a um dos lados do sistema dos contrários. Eu não devo julgar, não devo escolher um dos lados da matéria e rejeitar o seu oposto, porque se o fizer, esse oposto que eu rejeito e que me causa tanto medo irá ser-me enviado pelo céu para que eu também o experiencie.

 

Quando uma pessoa tem medo de perder e se agarra às coisas materiais, tudo fica desequilibrado, pois o oposto de ter algo é perder esse algo. Assim o céu envia a experiência contrária à do ter. A experiência contrária à do ter é a do perder.

E assim vem a perda.

 

Quero com isto dizer que as pessoas que trazem o arquétipo da perda atraem situações de perda. Eu tenho medo da perda, atraio a perda! O que vai, volta.

 

A Era da Liberdade, Alexandra Solnado

 

 

Saiba como limpar o seu karma - Terapia de Regressão a Vidas Passadas

 

Encomende aqui livros autografados

 

 



publicado por Projecto Alexandra Solnado às 13:01
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 27 de Maio de 2010
Arquétipo de Karma - Culpa

 

Arquétipos de karma são os “grandes padrões” que os seres humanos trazem de outras vidas. A culpa é um deles.

 

Primeiro a pessoa nasce, e desde criança nota-se que ela se sente culpada de tudo o que acontece. Sempre que algo de mal acontece à sua volta a tendência a culpabilizar-se é tal, que a pessoa tenta apaziguar tudo, fazendo todas as coisas que é preciso fazer, acalmando toda a gente, cobrindo as falhas, enfim, sempre presente, sempre activa e útil. Essa pessoa não tem vida própria. Precisa de ver que todos estão bem antes de poder ficar bem. O mundo inteiro tem que estar em ordem antes que ela possa sequer descansar. Essa pessoa precisa de tal maneira que todos fiquem bem, para ela não se sentir culpada que os sufoca com tanta preocupação.

 

As outras pessoas, quando começam a perceber que precisam estar sempre bem para que essa pessoa acalme, começam elas próprias a sentirem-se desconfortáveis com a situação. Começam a ficar insatisfeitas. Ao demonstrarem a sua insatisfação, atiçam ainda mais a culpa daquela pessoa. Aí, sim, ela começa a ter motivos para se sentir culpada, pois, com a sua acção, deixou realmente as pessoas insatisfeitas.

 

As pessoas que trazem o arquétipo de culpa atraem situações em que estão sempre a sentir-se culpadas. A lei do retorno ou a lei do karma está aqui bem patente. Eu sinto culpa, atraio mais culpa! O que vai, volta.

 

A Era da Liberdade, Alexandra Solnado

 

 

Saiba como limpar o seu karma - Terapia de Regressão a Vidas Passadas

 

Encomende aqui livros autografados

 

 



publicado por Projecto Alexandra Solnado às 12:35
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 5 de Maio de 2010
O que o céu propõe…eu aceito

 

A espiritualidade é a prática de perceber que o que sentimos dentro do coração vai sendo cada vez mais forte na nossa vida. Chega uma altura em que a pessoa só deseja sentir aquele amor outra vez, aquela paz outra vez, aquele estado uno, de fusão com o universo outra vez, e todos os apelos da matéria, quer sejam os bens materiais, o consumo, o ter, deixam de fazer o menor sentido. Espiritualizar-se é isso. É encontrar o mundo novo, a terra prometida.

 

Por isso é que eu faço tanta questão de que ensines as pessoas a deixar o ego e os desejos do ego, tipo “eu quero desta maneira”, “eu quero daquela maneira”, ensines a não levar para o céu a mente da matéria. Porque visto a comunicação com o céu ser muito mais subtil e a comunicação na matéria ser muito mais densa, as pessoas que não abandonarem a densidade da matéria para se elevarem, chegam cá acima e não percebem a subtileza da comunicação com o céu. Não alcançam, sentem-se ainda mais ansiosas, ainda mais nervosas, ainda mais densas. Cada vez mais ligadas, aí em baixo, à matéria.

 

Primeiro, há que mudar mentalidades, promover o desapego, a perda de densidade. Promover a aceitação. O que é, é. O que o céu me propõe, eu aceito. Não quero nada, não desejo nada, aceito o que vier. E assim, sem expectativas, completamente a zeros, vão-se iniciando nesta viagem magnífica pelo céu adentro, pela imensidão do mundo paralelo e incomensurável chamado infinito.

 

Era da Liberdade, de Alexandra Solnado

 

 

Saiba mais sobre o Curso Como se conectar com o Céu sem deixar de andar por aqui

 

Encomende aqui livros autografados

 

 



publicado por Projecto Alexandra Solnado às 16:06
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 16 de Abril de 2010
Karma e as experiências na matéria

 

Muitos de nós passamos a vida preocupados em tentar mudar ou melhorar o mundo, mas porque é que não nos preocupamos antes em resolver a reacção que temos ao mundo?

 

A questão não deveria ser tornar o mundo melhor, porque o mundo é dual, é feito de contrários, todos temos um lado bom e um lado mau. E quando queremos acabar com tudo o que há de mal no mundo estamos a querer alterar a ordem do Universo. Porque o mundo tem de ter aquela parte negativa, como contraponto do Bem, e para que todos façamos a nossa experiência na matéria.

 

Se conseguirmos viver a nossa vida mantendo-nos positivos e não deixarmos a negatividade do mundo contagiar-nos, o que é que vai acontecer? Deixamos de ter tantas emoções mal resolvidas ou por resolver e assim conseguimos evitar o acumular de karmas, nesta e noutras vidas.

 

Por isso, faço-vos uma proposta – olhem para a vossa vida e observem a vossa reacção às coisas, ao mundo. Ninguém pode controlar o que o outro faz, mas podemos controlar a nossa reacção ao que o outro faz. E como é que vocês reagem? Conseguem levar na positiva? Deixam deprimir-se? Ou vão deixar o vosso filtro apanhar tudo como se fosse dirigido a vocês em particular?

 

Quando Ele diz que o mundo é negativo e que tudo isto gira em volta da nossa capacidade de não entrar nessa negatividade, no fundo trata-se de não nos deixarmos contagiar por essa negatividade. Se nós estivermos espiritualmente resolvidos, se soubermos processar as emoções, iremos ter os filtros mais ou menos tranquilos, e quando algo for negativo, assistimos mas não deixamos a negatividade entrar em nós. Porque quando a deixamos entrar e ficamos densos, vamos ganhar karma com as nossas emoções mal resolvidas… e vamos mesmo ter de voltar cá mais vezes até as resolvermos.

 

Como Jesus explica “As experiências na matéria terão que ser vivenciadas, mas o que realmente conta cá em cima não é o que se vive e sim como é que se vive.”

 

 

Saiba como limpar o seu karma - Terapia de Regressão a Vidas Passadas

 

Encomende aqui livros autografados

 



publicado por Projecto Alexandra Solnado às 15:57
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 8 de Abril de 2010
Energia e o caminho da Abundância

 

Agora, como em todos os tempos, o Homem vive num clima de medo e de terror. Tudo é frio, cáustico e feio se não for vivido em clima de festa. Mas o clima de festa só pode ser encontrado através de uma espiritualidade profunda, com profundo conhecimento dos recursos espirituais. Como isso é muito difícil, visto as próprias pessoas terem tanta dificuldade em acreditar nelas próprias, o que sobra é uma vivência material básica e soturna. A matéria é então vista, não como um complemento do conhecimento divino, mas como um fim em si. É esse olhar sobre a matéria que provoca que o ser humano se afaste do equilíbrio e, por conseguinte, da abundância. Explicando melhor: o Homem tem de viver segundo os parâmetros da sua própria natureza, seguir os ensinamentos da sua própria energia.

 

Mas a nossa energia pode ensinar?

 

Claro. Se sou fiel à minha energia, passo a escutar o meu coração e a dar a devida importância ao que ele me diz. Ao fazê-lo, vou sendo ensinado a seguir com ele um caminho, um caminho a princípio muito estranho e desconfortável, mas em seguida deslumbrante: o caminho da abundância.

 

Mas porque é que o caminho do coração é o caminho da abundância?

 

Porque é o caminho do que “é para ti”. Sempre que seguirem o caminho que confere com as vossas energias, o universo harmoniza-se convosco (ou vocês harmonizam-se com o universo) e tudo volta a ser como antes de nascerem: abundante, cheio de surpresas, brincadeiras, armadilhas. Enfim, a vida passa a escorrer como a água e tudo fica outra vez no seu lugar. Quando seguem as vossas energias, a abundância é infinita.

 

 

A Lógica do Céu e a Lógica da Terra, de Alexandra Solnado

 

 

Aprenda a mudar a sua energia com o Curso Como se conectar com o Céu sem deixar de andar por aqui

 

Encomende aqui livros autografados

 



publicado por Projecto Alexandra Solnado às 12:42
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Terça-feira, 30 de Março de 2010
Almas Iluminadas...são vocês

 

Está na hora das pessoas perceberem que a sua evolução tem valido a pena.
Daqui do céu consigo ver as luzes, a alegria das almas que finalmente encontraram a luz.
Essas almas hoje estão mais livres do que nunca. Estão mais iluminadas, mais esclarecidas.´Alma Iluminada´ é um nome simbólico. É como que um contributo, uma homenagem dos habitantes do céu a estes homens navegantes do tempo, por todas as batalhas perpetradas em nome da evolução da humanidade.
É uma homenagem que vos queremos fazer. Queremos que saibam que estamos atentos cá em cima, a perceber as dificuldades e a apontar caminhos.
Caminhos difíceis às vezes, mas essenciais na sua natureza.
Almas iluminadas são as vossas, que conseguem sobreviver na densidade, que conseguem perpetuar a espécie sem ter medo da própria vida.
Sem ter medo dos medos, da perda, da desgraça, do infortúnio, da maldade e da doença. Sem ter medo de nada. Ou melhor, encarando o seu medo e trabalhando a sua crença. Mais do que tudo, as almas iluminadas conseguem acreditar. Ter fé que o homem vai acordar do seu entorpecimento milenar a tempo, e vai voltar-se para o céu, finalmente. E para si próprio, para os seus anseios, seus ideais, seus sonhos.
Almas iluminadas são aquelas que já não têm medo do medo, e conseguem pôr o dedo na ferida. Conseguem tratar-se, conseguem curar-se, conseguem inclusive ser cada vez mais felizes.
Almas iluminadas são vocês.

 

Jesus


A Alma Iluminada, de Alexandra Solnado

 

 

Leia aqui Excertos de todos os livros

 

Encomende aqui livros autografados

 

 



publicado por Projecto Alexandra Solnado às 12:51
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 17 de Março de 2010
Emoção, Reencarnação… e o Grande Segredo

 

"Isto é importante. É talvez a coisa mais importante que já te ditei.

Vamos falar sobre a densidade. Vamos falar sobre as emoções.

Quando um ser encarna pela primeira vez, ele é um ser de luz.

Não tem passado, só tem futuro. Não tem heranças emocionais, não tem karmas.

Assim que nasce, toma contacto com a matéria.

Chocam-se dois opostos.

Um ser de luz e a matéria. É claro que um dos dois ficará domesticado, nos opostos pensamos sempre que algum há-de vencer.

Quando o ser de luz recebe matéria, fica imediatamente corrompido.

Fica enquadrado, fica entorpecido. E nem nota que se desmistificou. Nem nota que a sua face original foi consumida.

É nesta altura que a emoção toma forma. A emoção é a força mais densa que a matéria possui.

Na verdade, a tal experiência da matéria não é mais do que levar seres de luz à terra para experienciarem formas de emoção.

Mas continuando.

Esse ser que acaba de encarnar, dependendo da época, do lugar, da família, enfim, dependendo das condicionantes que escolheu para melhor atingir os seus fins, irá ser educado e aprender conceitos que o vão direccionar no modo de gerir as suas emoções.

Tu sabes que as emoções são fogo. É muito difícil daqui de cima podermos ajudar-vos quanto às emoções, porque o ego é um intruso perturbador que não quer que o contacto se estabeleça... e é muito difícil vocês gerirem as emoções daí de baixo, visto as informações que têm sobre elas não serem as mais correctas.

 

Mas vamos lá.

 

No princípio de tudo, o ser de luz encarna, puro, sem mácula alguma. No momento da encarnação, no momento do primeiro nascimento, tem um dos maiores choques de sempre.

A respiração. O ar contaminado da matéria versus a água com nutrientes que recebia da mãe.

É nesta altura que ele percebe que tem de viver neste mundo, mas que precisa de o limpar primeiro. Por isso é que tem filtros no nariz, nos pulmões, o próprio fígado é um filtro gigantesco.

O que é que isto significa?

Que o homem vive num ambiente hostil, não é um ambiente propício, senão não teria de desenvolver tantos filtros para limpar o seu próprio habitat.

Emocionalmente passa-se a mesma coisa.

O ser nasce, ganha emoção. Como não a sabe resolver, transforma-se em emoção mal resolvida, que é o que significa densidade.

A densidade prende-se à roda das encarnações, porque se prende no espírito. Vai e volta sempre com a mesma densidade emocional. Se retirarem todas as sobreposições, o ser sai da roda das encarnações, e acaba a experiência da matéria.

Sobreposição de Encarnações são as emoções presas no espírito, vida após vida. São emoções de vidas passadas que insistem em se manifestarem dentro do peito. Este é o segredo. Retirar estas sobreposições."

 

 

Excerto de A Alma Iluminada, de Alexandra Solnado

 

 

Saiba mais sobre a Limpeza Espiritual de Sobreposição de Encarnações

 

Encomende aqui livros autografados

 

 



publicado por Projecto Alexandra Solnado às 14:20
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Saiba como resolver a sua vida através da memória das suas Vidas Passadas
Alexandra Solnado
Alexandra Solnado tem-se dedicado, através dos cursos e terapias que desenvolveu no seu projecto espiritual, ao estudo e investigação do fenómeno da Reencarnação. Nomeadamente, de que forma é que poderemos melhorar, resolver e desbloquear os problemas da nossa vida actual, acedendo às memórias das nossas vidas passadas.

Uma abordagem terapêutica que, através da Regressão, tem permitido a milhares de pessoas descobrir quais as questões/emoções que trazem por resolver das suas vidas passadas, e como fazer para as ultrapassar no presente. É o desmontar dos segredos milenares de traumas e bloqueios que fomos acumulando ao longo das nossas vidas, para que possamos finalmente nos libertar e assim evoluir na nossa jornada espiritual.

Alexandra Solnado é autora de:
LUZ - Pergunte. O Céu Responde
A Alma Iluminada
Este Jesus Cristo Que Vos Fala, Livro 3 / A Era da Liberdade
Este Jesus Cristo Que Vos Fala, Livro 2 / A Lógica do Céu e a Lógica da Terra
Este Jesus Cristo Que Vos Fala, Livro 1/ A Entrega
A Minha Limpeza Espiritual (com CD de Exercícios)
O Eu Superior e Outras Lições de Vida (com CD de Exercícios)

Projecto Espiritual Alexandra Solnado – Terapia da Alma Site
Envie a sua questão
As respostas às suas dúvidas atendem a diversos critérios. Neste serviço, não serão consideradas válidas questões com falta de enquadramento ou situações que só possam ter encaminhamento imediato. E-mail: vidas_passadas@sapo.pt
Pesquisar neste blog
 
Posts recentes

Lançamento do Livro CONEX...

Série Doenças e Sintomas ...

Terapia

Arquétipo de Karma - Perd...

Arquétipo de Karma - Culp...

O que o céu propõe…eu ace...

Karma e as experiências n...

Energia e o caminho da Ab...

Almas Iluminadas...são vo...

Emoção, Reencarnação… e o...

Arquivo

Março 2016

Dezembro 2015

Outubro 2015

Julho 2015

Janeiro 2015

Outubro 2014

Setembro 2014

Junho 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Novembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Tags

todas as tags

blogs SAPO
Subscrever feeds